terça-feira, 26 de outubro de 2010

TESTEMUNHA DE ESCÂNDALO DO PT SE REFUGIA NO ACRE.

Jairo Carioca - A principal testemunha do caso de desvio de recursos públicos do Projeto Segundo Tempo, do Ministério dos Esportes, Michael Alexandre Vieira da Silva (foto), estava no Acre.  Ele fugiu do programa de proteção à testemunha e foi para Brasília gravar detalhes do esquema que envolve Agnelo Queiroz, candidato do PT ao Governo do Distrito Federal (DF), acusado pela Policia Civil do DF de receber R$ 256 mil do Ministério do Esporte.
Segundo denuncia publicada na Revista Veja, com o titulo: “a fraude documentada”, uma ONG ligada ao PCdoB, antigo partido de Agnelo Queiroz, que dizia realizar cursos para crianças pobres, desviou milhões de reais. Auditoria feita com a empresa Novo Horizonte descobriu que os cursos nunca aconteceram.
Tudo foi relatado na parte final do depoimento de Michael Vieira, que em programa da candidata Weslian Roriz, disse que foi mandado “para o fim do mundo para calarem a sua boca”.
- Olha o que aconteceu, tive que ir para bem longe no programa de proteção à testemunha. Me isolaram. Hoje em dia eu não tenho mais minha mulher. Eu não tenho meu filho, ele mora longe, escondido, com medo do que possa acontecer com ele. Me colocaram no serviço de proteção a testemunha no fim do mundo, como se fosse pra calar a minha boca, pra não falar nada, por que ele [Agnelo Queiroz] vinha como candidato agora ao governo pelo PT. 
Ainda emocionado, Michael diz que parece viver na época da ditadura. E desabafa novamente:
- Estou vivendo como um bicho, num lugar escondido. Isso não é vida. Pessoas que desviaram milhões e que me deixaram com uma dívida que hoje já dá mais de um milhão [chora]. Eu não sei o que fazer, a vontade que me dar é de abrir os meus braços e dizer me matem! Eles fazem o que eles querem, manipulam o que eles querem – conclui Michael.
A promotora Nazaré Gadelha, do Ministério Publico Estadual. não foi localizada para falar sobre o assunto. Segundo informações, somente ela e o promotor Rodrigo Cuti, podem dar mais detalhes sobre o Programa de Proteção à Testemunha no Acre. A assessoria de Rodrigo Cuti informou que ele está em viagem e fica durante toda semana fora do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário