segunda-feira, 4 de outubro de 2010

FRENTE POPULAR É DERROTADA EM RIO BRANCO (AC)

A Frente Popular do Acre perdeu as eleições em Rio Branco, o maior colégio eleitoral do Acre, com mais de 217.271 mil votos (46,13%). Na capital os irmãos Vianas além de não conseguirem eleger a candidata a presidente Dilma Rousseff (PT), perderam a eleição para governo. Bocalom (PSDB), obteve 50% dos votos válidos, contra 49% de Tião Viana (PT).
Para presidente, a candidata Dilma Rousseff ficou como última colocada em Rio Branco, com apenas 15,94% no primeiro turno. Em segundo lugar ficou a candidata do PV, Marina Silva 35,59% e em primeiro lugar, com quase o triplo de votos de Dilma, José Serra, que teve 47%,91.
Nas eleições para presidente, no âmbito geral, José Serra venceu no primeiro turno com 52,1%, contra 23,79% de Dilma e 23,61% de Marina Silva.
Os números mostram que Tião, Jorge e Edvaldo não conseguiram transferir os votos para a candidata a presidente do PT. Em entrevista, o candidato Tião Viana chegou a dizer que era questão de honra dar a maior votação para Dilma Rousseff no Acre.
101 mil eleitores deixaram de votar nestas eleições. Tião Viana, com 98,56% foi eleito governador do Acre, com 168.912 votos, ou seja, (50,44%) votos válidos.
Leia mais sobre eleições, aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário